Pureza Roubada - Elizabeth Mayne - CHE 23

 quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Ela conquistou o inimigo com a força de seu amor!

Alemanha e França, 841 d.c.

Raptada por um guerreiro saxão, Thea Bellamy enfrentou o maior desafio de sua vida: a mente ordenava-lhe que odiasse aquele homem, mas ela não conseguia dominar os caprichos de seu enlouquecido coração... E Thea descobriu o irresistível poder da paixão nos braços de Roderick, duque de Emory, seu raptor!


O que achei...

Lindo! Adoro estórias de rapto. Acho que tem mais emoção, drama!!!

Esta aventura, inícia-se com o retorno de Roderick à sua propriedade, após ter seus serviços ao rei dispensados. Mas ao retornar ao lar, encontra seu feudo totalmente destruído, pelos Vikens, que além  do saque e destruição, também raptaram todas as mulheres. Deixando alguns poucos sobreviventes do sexo masculino.

Com este quadro desolador  Roderick, resolve reconstruir novamente a fortaleza. Porém, à falta de mulheres, no feudo torna-se um problema para Roderick, que não aguenta mais ouvir seus homens, reclamarem constantemente da falta de lazer feminino... (Morri de rir, com o bando de marmanjos se lamuriando pelos cantos). Assim, ele bola um plano, que resolverá  o problema: Disfarçarem-se, de Vikins, e ir à França, para raptarem mulheres, e o que mais precisarem para tornar seus homens felizes!!!

O plano corria bem até eles encontrarem Thea e sua irmã, na beira do rio. Roderick, logo percebeu que as moças, além de lindas, também tinham sangue nobre, e não poderiam ser raptadas. Mas o cavalo de batalha de Thea, sim. Ele só não contava com a resistência dela em abrir mão do cavalo. E, em meio a confusão, ela acabou reconhecendo-o, não deixando-lhe  alternativa a não ser, levá-la junto... E assim, têm início a melhor parte do livro. Lógico que não vou cantá-la!!!

Thea passa por situações bem humilhantes nas mãos, dele. Cheguei a ficar com raiva do jeito que ele à trata, fazendo-a submeter-se aos seus caprichos... ou seja, serví-lo de todas as formas! " Sim é a forma que você está pesando" ( risos). E, apesar disso, eles acabam apaixonados. Mas o tolo não dá o braço a torcer e acaba tendo que libertá-la. Depois fica sofrendo pelos cantos...

Lógico há muito mais a ser dito sobre o livro. Afinal, ele tem emoção, drama, aventura, trechos engraçados, traíção, espionagem. E apesar de Roderick, ter maltratado Thea no início, ele acaba tão apaixonado que é capaz de mover céus e mares por ela...

O  jeito que ele a trata no final, com tanto amor e carinho... Me cativou!!!

E este vai com certeza para:  Meus Favoritos TDB!!!

Bjs
Fui...





                                          

Postar um comentário

Blogs que leio e recomendo

Total de visualizações de página

Números

PageRank

Estou em:

  © A MAGIA DOS ROMANCES