Maigret e o ladrão preguiçoso - Georges Simenon

 terça-feira, 27 de julho de 2010

Resolvi dar um tempinho nos romances e ler uma história do Georges Simenon. 

Adoro o personagem do comissário Maigret, com seu sobretudo, seu cachimbo, seu jeito bonachão, sempre resmungando, quando fica matutando na cabeça sobre um determinado caso até resolvê-lo.

Embora, goste de outros autores de contos policias, o Maigret, ainda é o meu favorito é tipo amor a primeira leitura. Para quem conhece o personagem, sabe do que estou falando.

Vamos a história:

Nesta trama, Maigret se depara com a morte de um velho conhecido seu. Um ladrão, que ele conhece a trinta anos. Mas, que embora pudessem lhe atribuir diversos roubos, sempre foi impossível encontrar as provas dos mesmos. Assim, Maigret, decide investigar por conta própria sua morte. Pois, o caso foi dado por encerrado pelo juiz de instrução.

O morto, era uma pessoa tranquila, que vivia com a mãe e Maigret, busca descobrir mais a seu respeito. E descobrir quem o matou e como aconteceu...

Sinopse:

Título Original : Maigret et le voleur paresseux.
Editora L&PM Pocket : maio de 2009.

Houve um ruído forte, agudo, não longe da sua cabeça e Maigret se pôs a agitar, entre aborrecido e assustado, um dos braços fora dos lençois. Ele tinha consciência de estar na cama, consciência também da presença da mulher que, mais acordada que ele, esperava na obscuridade sem nada ousar dizer.

Durante alguns segundos, pelo menos, ele se enganou sobre a natureza desse ruído insistente, quando fazia muito frio, que se enganava desse modo.

Jules Maigret é o mais famoso personagem do escritor belga Georges Simenon ( 1903-1989), um dos autores mais lidos e cultuados do século XX. Taciturno, amante do cachimbo e de uma boa cerveja, o inspetor Maigret conquistou - em 75 romances e várias histórias curtas - legiões da admiradores em todo o mundo. Lançando mão de sua profunda compreensão da natureza humana como principal instrumento na solução de crimes, tornou-se um marco da literatura policial, ao lado dos mais célebres investigadores, como Auguste Dupin, Sherlock Holmes, Hercule Poirot e Philip Marlowe.



Postar um comentário

Blogs que leio e recomendo

Total de visualizações de página

Números

PageRank

Estou em:

  © A MAGIA DOS ROMANCES